Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Junho, 2014

SISTEMA OCB/PB REINAUGURA SEDE EM JOÃO PESSOA

Mais de 100 pessoas participaram da solenidade que marcou a reinauguração da sede do Sistema OCB/PB (Sindicato e Organização das Cooperativas da Paraíba/ Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo na Paraíba). e a entrega do Prêmio Agostinho dos Santos, realizada nestaquinta-feira (26/6), em João Pessoa. O evento reuniu representantes de 27 instituições, entre órgãos públicos, entidades do setor produtivo, cooperativas, autoridades políticas, além de dirigentes nacionais e estaduais do Sistema OCB.
Descrição Com 133 cooperativas filiadas, a OCB-PB é o órgão máximo de representação do setor no Estado. Já o Sescoop-PB é um órgão do Sistema “S”, voltado para a formação profissional, autogestão e desenvolvimento social das cooperativas. Informação Geral O cooperativismo é um movimento que une desenvolvimento econômico e bem-estar social. A primeira cooperativa do mundo foi criada em 1844, em Rochdale, em Manchester, na Inglaterra, por 28 operários, em sua maioria tecelões. Atualmente,…

CPRM INICIA PROGRAMA DE SONDAGEM NA REGIÃO DO SERIDÓ

A CPRM, através da Diretoria de Geologia e Recursos Minerais (DGM), iniciou esta semana um ambicioso programa de sondagem profunda. O principal objetivo é resolver questões geológicas e estratigráficas que permitam avanços no conhecimento de áreas relevantes de distritos mineiros importantes no país. 
O programa prevê a perfuração de 20 mil metros de sondagens com furos que variam de 500 a 1250 metros. O local escolhido para iniciar o programa foi a região Seridó, localizada na Província Borborema no Nordeste do Brasil, onde foram escolhidos 3 furos a serem realizados, sendo 2 nesta fase e outro nos próximos anos.

Esta área foi escolhida para atender demandas discutidas durante o I Seminário de Províncias Metalogenéticas Brasileiras. O programa é coordenado pelo Departamento de Recursos Minerais (DEREM) juntamente com o Departamento de Geologia (DEGEO)e supervisionado pela Divisão de Avaliação de Recursos Minerais (DIARMI) em parceria com a Superintendência de Recife.

FONTE:http://www.c…

MINERAÇÃO É A UMA DAS ATIVIDADES ECONÔMICAS MAIS IMPORTANTES DA REGIÃO DIZ TÉC EM MINERAÇÃO

A  mineração é uma das atividades econômicas mais  importantes da região do Seridó, segundo o técnico em mineração Antonio de Pádua Sobrinho(Foto),  que atualmente desenvolve alguns estudos e pesquisas nesta região,  a maioria dos municípios que compõem  o Seridó   tem suas atividades   econômicas  baseada no setor primário onde a mineração merece destaque , onde os corpos  pegmatíticos  ricos em minerais industriais como  (quartzo, feldspato, mica) e minerais raros (berilo, água marinha, turmalina, e tantalita). Tem grande representatividade econômica onde centenas de famílias sobrevivem da extração desses bens minerais.
“Como o clima semiárido não favorece a prática da agricultura a mineração assume papel importante, porém a falta de pesquisa mineral básica, a lavra desenvolvida  sem planejamento, a degradação ambiental, a falta de competências técnica, a presença do intermediário na compra de minério, sem treinamento básico e orientação sob uso  correto e aproveitamento dos recursos…

ABERTAS AS INSCRIÇÕES PARA SELEÇÃO DE BOLSISTAS DE INICIAÇÃO TECNOLÓGICA E INDUSTRIAL NO CAMPUS PICUÍ

Estão abertas as inscrições para a concessão de Bolsas do Projeto de Iniciação Tecnológica e Industrial intitulado “Aumento da produtividade da usina de concentração de Scheelita da Mina Brejuí através da utilização da flotação nos rejeitos finos das mesas concentradoras”.  Este projeto é fruto de pareceria  entre o CNPQ, o IFPB – Campus Picuí, o Centro de Tecnologia Mineral – CETEM e a Mineração Tomaz Salustino, sob a coordenação do Professor Túlio César Soares dos Santos André.  As inscrições seguem até o dia 27 de junho. Estão sendo ofertadas um total de 18 bolsas, 9 delas para o Campus Picuí e 9 para o Campus de Campina Grande. Poderão candidata-se alunos regulamente matriculados em cursos de nível médio (integrado e subsequente) na área de mineração, cursando ou já tendo cursado a disciplina de Tratamento de Minérios III.  Os alunos interessados deverão encaminhar requerimento, através do protocolo de seu respectivoCampus, para a Coordenação do Projeto PROJETO-01 IFPB-CETEM-BREJ…

COM APOIO DO GOVERNO DO ESTADO, SETOR DE MINERAÇÃO SEGUE EM EXPANSÃO.

O Estado da Paraíba abriga em seu território jazidas de minerais de vários tipos propícias à exploração da atividade mineradora. Por isso, professores do curso de Mineração da Escola Padre Jerônimo Lauwen, da cidade de Santa Luzia, estiveram na Universidade Federal de Campina Grande, onde participaram de uma reunião com o chefe do Departamento do Curso de Engenharia de Minas, professor Elbert Valdiviezo, para fomentar parcerias.
“O objetivo da reunião foi tratar da utilização da Mina Escola pelos alunos do curso técnico em Mineração para fortalecer e consolidar o ensino profissionalizante oferecido pela escola. Além disso, muitas operações de lavra e beneficiamento podem ser explicadas usando os equipamentos existentes no local”, pontuou o professor Antônio de Pádua Sobrinho, acompanhado do professor Aderivaldo Nóbrega.
Investimentos em Mineração –O Governo do Estado investe no setor de mineração por meio do Projeto Cooperar, Empreender Paraíba e do Programa de Desenvolvimento Sustentáv…

ECONOMIA MINERAL DA PARAÍBA

Com uma geologia diversificada, envolvendo desde terrenos pré-cambrianos (2,5 bilhões de anos), até o recente, e ambientes geologicamente favoráveis à ocorrência de jazidas minerais, o Estado da Paraíba abriga em seu território, jazidas e ocorrências minerais de variados tipos.
Bentonita (argila montmorilonítica)– A Paraíba é o maior produtor do país. Mineral de larga aplicação como componente de lama de perfuração de poços e pelotização do minério de ferro. As jazidas estão localizadas nos municípios de Boa Vista e Cubati.
Minerais de titânio (rutilo e ilmenita) e zirconita– Constituem a maior jazida tipoplacerdo país, localizada no município de Mataraca, no extremo Nordeste do Estado. Os dois primeiros são de uso na fabricação de pigmentos e o último em pisos e revestimentos.
Calcário para produção de cimento– A Paraíba é o segundo maior produtor de cimento do Nordeste. Grandes jazidas de calcário sedimentar que ocorrem na faixa litorânea do Estado viabilizam a indústria cimenteira. A…

FREI MARTINHO PB: COOGARIMPO FOI CONTEMPLADA COM A IMPLANTAÇÃO DE DUAS UNIDADES DE CLASSIFICAÇÃO ARTESANAL DE MICA

A Cooperativa dos Mineradores de Frei Martinho – COOPERMINERAL foi contemplada com a implantação de duas unidades de classificação artesanal de mica nas comunidades Timbaúba e Quixaba. Cerca de quarenta mulheres sobrevivem cortando placas de mica com uma faca doméstica, nos próprios garimpos. Com um investimento de R$ 84.000,00 (oitenta e quatro mil reais), essas mulheres serão transferidas para galpões localizados nas vilas, onde sobre mesas, o corte e o esquadrejamento serão realizados com guilhotinas. Em virtude do valor comercial das placas de mica ser diretamente proporcional ao seu tamanho, o projeto acarretará uma agregação de valor ao produto e melhoria potencial das condições de trabalho.

Uma unidade de fundição será implantada junto ao laboratório de lapidação da Cooperativa dos Garimpeiros de Nova Palmeira – COOGARIMPO, para produção de joias e bijuterias, utilizando como protagonistas as gemas do Seridó paraibano. O projeto orçado em R$ 207.000,00 (duzentos e sete mil rea…

ESCOLA ESTADUAL DE SANTA LUZIA REALIZA AULA DE CAMPO NA MINA ESCOLA

Aperfeiçoar a prática profissional dos futuros técnicos em mineração. Foi com este objetivo que estudantes do Curso de Mineração da Escola Estadual Padre Jerônimo Lauwen participaram de uma aula de campo na Mina Escola, localizada na zona rural de Santa Luzia. O reforço foi na área de planejamento de lavra, segurança no trabalho, tratamentos de minérios, geologia, serviços e equipamentos de mineração.
No início da aulas, os estudantes aprenderam sobre a importância histórica da Mina Escola, que funcionou, na década de 80, como um espaço de aprendizado para alunos do curso de Engenharia de Minas da Universidade Federal da Paraíba (UFPB), bem como para garimpeiros da região que utilizaram a estrutura para beneficiamento de minério.
Para um dos professores do curso, Antônio de Pádua, as visitas planejadas visam a aproximação do estudante com o universo profissional que irão enfrentar no futuro de maneira qualificada. “Os alunos podem unir o conhecimento adquirido em sala de aula com a prát…

CDRM/PB REALIZA AÇÕES DE EXTENSIONISMO MINERAL DO SERIDÓ

Na semana passada técnicos da CDRM/PB, juntamente com o Presidente Marcelo Falcão, estiveram na região do Seridó , levando assistência técnica aos pequenos mineradores dos municípios de Pedra Lavrada, Nova Palmeira e Frei Martinho.
Os trabalhos tiveram início em Pedra Lavrada. A equipe dirigiu-se até a localidade Serra Branca, onde a COOMIPEL detém uma área de lavra de minerais de pegmatito, para orientação sobre a utilização de explosivos, comercialização dos produtos e assuntos relacionados a Licenças Ambientais e exigências do Departamento Nacional de Produção Mineral – DNPM.
Durante a visita, foi apresentada aos cooperados, a estudante do curso de Mineração do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia da Paraíba – IFPB/Picuí, Damásia Lucena, estagiária da CDRM/PB, que sob a orientação do Engenheiro de Minas José Soares de Brito, irá mapear as ocorrências minerais, para subsidiar o planejamento das atividades de lavra da área.
Em Nova Palmeira e Frei Martinho, a pauta foi re…