Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2014

MUSEU COM 1.800 MINÉRIOS E ROCHAS SERÁ INAUGURADO EM NATAL

Um museu com 1.800 exemplares de minerais e rochas será inaugurado na próxima quarta-feira (17) em Natal. O Museu de Minérios do Rio Grande do Norte irá funcionar nas dependências do Campus Natal-Central do Instituto Federal de Ciência e Tecnologia (IFRN). O espaço é resultado de um convênio assinado entre a Petrobras, o então Centro Federal de Educação Profissional e Tecnológica  (Cefet), e a Funcern.

O Museu de Minérios estará aberto ao público em geral das 13h às 17h de segunda à sexta-feira. Já as visitas guiadas e pré-agendadas para colégios serão realizadas também durante a semana, mas apenas pela parte da manhã, das 8h às 12h. O acervo do Museu de Minérios do Rio Grande do Norte é formado por quatro coleções distintas.

A primeira, com cerca de 450 peças e doada pelo governo do Estado, é oriunda do Museu de Minérios Waldemar Meira Trindade, da extinta Companhia de Desenvolvimento Mineral do Rio Grande do Norte (CDM). A segunda, com 300 peças, foi cedida ao museu pelo professor Fel…

CURSO DE MINERAÇÃO DE SANTA LUZIA PARAÍBA SERÁ DESTAQUE NA TV

O Sistema Correio da Comunicação, através da Tv Correio, Sucursal de Patos, esteve na cidade de Santa Luzia para realizar uma matéria para a televisão sobre o Curso Técnico de Mineração da Escola de Ensino Médio Inovador Padre Jerônimo Lauwen da cidade de Santa Luzia, Paraíba.


A equipe da Tv Correio entrevistou professores, a direção da escola, alunos, mostrando os avanços do curso e a importância do mesmo para a região do Sertão e do Seridó da Paraíba e do Rio Grande do Norte.



A reportagem será exibida neste domingo dia 14 de dezembro, na Tv correio local, as 9horas da manhã.

SERTÃO 1/ COM SETOR MINERAL EM FOCO

PICUÍ TERRA DA CARNE DE SOL, TAMBÉM É RICA EM MINÉRIOS.

O  município de Picuí é conhecido nacionalmente como a terra da carne de sol. Porém é preciso destacar outros segmentos que tem grande representatividade econômica em Picuí como o Picolé, onde por muitos anos foi realizada a popular festa do Picolé, como forma de homenagear e divulgar, no cenário nacional, o nome do município como sendo a “Terra do Picolé Caseiro”.  merecendo destaque também para MINERAÇÃO, sendo este segmento  de muita importância para o município desde o período da segunda guerra mundial até os dias atuais,  fazendo  parte da história econômica da região, constando de dezenas de garimpos lavrados desde o início do século XX, despertando grande interesse por parte dos americanos, pela riqueza em minerais estratégicos para a produção de armamentos bélicos.


Além da história mineral contada por antigos garimpeiros, que serve de atrativo turístico onde o geoturista tem a oportunidade de presenciar a lavra a céu aberto e obter informações geológicas sobre os corpos pegmatí…

CURSO DE MINERAÇÃO GANHA DESTAQUE NA PARAÍBA E TEMA DE REPORTAGEM PARA A TV

O Sistema Correio da Comunicação, através da Tv Correio, Sucursal de Patos, esteve hoje na cidade de Santa Luzia para realizar uma matéria para a televisão sobre o Curso Técnico de Mineração da Escola de Ensino Médio Inovador Padre Jerônimo Lauwen da cidade de Santa Luzia, Paraíba.
A equipe da Tv Correio entrevistou professores, a direção da escola, alunos, mostrando os avanços do curso e a importância do mesmo para a região do Sertão e do Seridó da Paraíba e do Rio Grande do Norte.

 Na ocasião professor Antonio de Pádua Sobrinho  falou do projeto"Construção de maquete de beneficiamento de minério como ferramenta de práticas educativas".   Que teve comoo  objetivo do trabalho foi mostrar como ocorre a extração e o beneficiamento dos minerais até sua comercialização.


“ Um mineral não pode ser utilizado na indústria como é extraído na natureza e tem que passar por um algum tipo de beneficiamento, para entender melhor como ocorre  a extração e   o beneficiamento de minérios,  …

PICUÍ-PB: MINERAÇÃO DO MUNICÍPIO AVANÇOS E DESAFIOS

A atividade mineral  do município de Picuí, apesar de constituir alternativa de trabalho regional, desempenhando importante papel na fixação da população durante a seca, consistindo em grande forma de representatividade econômica na renda regional apesar  do apoio  recente dos órgão e instituições, ainda é carente de recursos e de mão obra qualificada na execução e acompanhamento da atividade. 
        Segundo o pesquisador e técnico em mineração Antônio de Pádua Sobrinho(Foto) os desafios para o desenvolvimento sustentável da pequena mineração da  região estão relacionados à falta de pesquisa mineral, mapeamento geológico básico, atividade mineira sem planejamento, degradação ambiental, falta de capacitação técnica e de organização, presença do atravessador na compra do minério, ou seja, a falta de logística. Esta situação reflete a precariedade do setor mineral e das condições sócio econômicas dos garimpeiros do Seridó paraibano desde o início do século XX até os dias atuais.


  Par…