Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Abril, 2015

TÉC EM MINERAÇÃO REPRESENTARÁ ATIVIDADE MINERAL PARAIBANA NO 3 FÓRUM MUNDIAL DE EDUCAÇÃO

De 27 a 29 de maio de 2015 será realizado  no Centro de Convenções de Pernambuco.  O 3º Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica (FMEPT),  o evento é capitaneado peloInstituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE), com apoio doMinistério da Educação (MEC).   Cerca de 150 instituições, entidades, associações e representantes do poder público de todo o país  fazem parte do Comitê Organizador doFórum que  reunirá  desde conferências, palestras e debates até apresentações culturais, mostras tecnológicas, oficinas, além de feiras temáticas.
 O evento contará com a exposição de 2.572 pôsteres.Dentre eles esta o trabalho intitulado “Confecção de maquetes de unidades de beneficiamento de minérios como ferramenta de práticas educativas ao tratamento de minérios”. Desenvolvido pelos alunos, do Curso Técnico em Mineração da Escola Estadual PadreJerônimo Lauwen de Santa Luzia,Paraíba. O trabalho será apresentando pelo professor, técnico em mineração  e estudante…

SANTA LUZIA-PB: ESCOLA Pe JERÔNIMO PARTICIPARÁ DO 3º FÓRUM MUNDIAL DE EDUCAÇÃO

A escola estadual  Padre Jerônimo Lauwen de Santa Luzia, Paraíba,  participará do III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica (FMEPT), um dos maiores eventos  de educação do País , com o tema “Diversidade, Cidadania e Inovação”, a programação reunirá conferências, palestras, debates, apresentações culturais, mostras tecnológicas, oficinas, além de feiras temáticas. Cerca de 150instituições, entidades, associações e representantes do poder público de todo o país fazem parte do Comitê Organizador doIII Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica. Que reunirá instituições, entidades e associações de todo o planeta.

Durante o evento o professor do curso técnico em mineração, Antônio de Pádua Sobrinho, estará apresentando o trabalho intitulado: “Confecção de maquetes e unidades de beneficiamento de minérios como ferramenta de práticas educativas ao tratamento de minérios” Desenvolvido  pelos alunos do 2 ano do curso. O trabalho  mostra  como ocorre a extração e o ben…

ITAPEVA, SP, TEM MAIOR JAZIDA DE FILITO COM 3 MILHÕES DE METROS QUADRADOS

Minério semelhante à argila é usado na fabricação de ração a asfalto. Por ano são recolhidas 500 toneladas de matéria-prima do local.

Itapeva(SP) é referência de mineração no país porque no município está localizada a maior jazida de filito do Brasil em um espaço de mais de 3 milhões de metros quadrados. Por ano são extraídas mais de 500 mil toneladas do minério que é é utilizado para diversos fins, desde ração animal até nas estradas. “Ele é da família das argilas, só que como é uma rocha, é um pouco mais endurecida”, explica o dono da empresa que faz a extração, Takeyuti Filho.
Ele ainda conta que a matéria-prima vai para a construção civil, alimentação animal, ainda para a borracha, asfalto e até sal mineral. "Nós diversificamos muito o uso do filítio, aproveitamos cerca de 90% da jazida.”
A cidade se destaca também por possuir a única Escola Técnica Estadual (Etec) que conta com curso de mineração. As aulas são em laboratório, onde alunos aprendem um pouco mais sobre as caracter…

REPRESENTANTES DO CURSO DE MINERAÇÃO DO SENAI PARTICIPAM DE EVENTO SOBRE APROVEITAMENTO DE MINERAIS NA UFCG

O Centro de Inovação e Tecnologia Industrial, através do CT Minerais participou nos dias 24 e 25 de março da primeira Oficina de Trabalho 2015, na Universidade Federal de Campina Grande. O evento promovido pelo Centro de Tecnologia Mineral (CETEM),Universidade Federal de Campina Grande e Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovação apresentou o Projeto Integrado de Pesquisa e Desenvolvimento Tecnológico, voltado para o aproveitamento Racional e Sustentável de Minerais de Pegmatitos e Rochas de Quartzito. Instrutores e alunos do curso Técnico em Mineração do SENAI participaram de palestras com temas bastante relevantes para a indústria da mineração. Um dos temas discutidos foi os impactos ambientais na lavra e no beneficiamento de caulim, produto bastante usado na indústria de vidros, tintas, cerâmica e de outros produtos, e em grandes jazidas e indústrias de mineração de transformação do caulim.

“Este evento é de suma importância para o setor mineral, pois ficamos integrados com as n…

TERCEIRIZAÇÃO NA MINERAÇÃO: BOM OU RUIM?

Por Pedro Jacobi – Um dos assuntos polêmicos que está na pauta do dia é o do Projeto que trata da terceirização: o Projeto de Lei 4330/04.
O projeto é polêmico, pois permite a contratação de terceirizados em qualquer tipo de atividade, que r seja meio ou fim. A terceirização, antes do projeto, só era permitida na atividade meio.

No processo de terceirização são, geralmente, usadas empresas prestadoras de serviços o que facilita o processamento da contratante, baixando custos e reduzindo a burocracia.

A principal crítica é que o prestador de serviço não estará coberto pela CLT, que é desfavorável aos trabalhadores que trabalham mais e ganham menos. Isto nem sempre é verdade.

A terceirização ou outsorcing na mineração é um procedimento antigo e consolidado. Hoje toda a grande empresa de mineração procura terceirizar certas áreas buscando, através disso, uma fonte inesgotável de recursos humanos que são disponibilizados, pelas contratantes.
A terceirização na mineração avançou e hoje muit…

MINERAÇÃO SERRA VERDE QUER SER MAIOR PRODUTORA DE TERRAS-RARAS FORA DA CHINA

A Mineração Serra Verde, empresa do grupo Mining Ventures Brazil, pretende ser a maior fornecedora de terras-raras fora da China, assim que seu projeto em Minaçu, Goiás, entrar em start-up em 2017. De acordo com Andreas Sprecher, CEO do grupo Mining Ventures Brazil, a expectativa é que o projeto Mineração Serra Verde seja uma fonte alternativa sustentável de terras-raras por longo prazo. O executivo disse que a empresa pretende produzir concentrado de terras-raras em 2017. A previsão é produzir 5 mil toneladas por ano de terras-raras separadas em 2019 e dobrar para 10 mil toneladas por ano em 2024. “Nosso projeto é semelhante a muitos projetos do sul da China, com metalurgia simples e de fácil manuseio e com uma intensidade de capital baixa, de forma que vai contribuir para equilibrar os preços no mercado de terras-raras sem depender do que a China vai decidir fazer com a sua produção”, disse Sprecher. A China cortou, em 2010, a exportação de terras-raras e causou uma instabilidade no me…

PICUÍ-PB: NEA PARTICIPARÁ DO III FÓRUM MUNDIAL DE EDUCAÇÃO

ONúcleo de Estudos em Agroecologia - NEA  do IFPB,  campus Picuí, participará  do III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica,que será realizado em Recife - PE. entre os dias 26 e 29 de maio no Centro de Convenções de Pernambuco.  O evento reunirá  instituições, entidades e associações de todo o mundo.


Na oportunidade fará parte das Oficinas Autogestionadas apresentando na temática Gastronomia "Palmas para os sabores da Caatinga" (Profª Bolsista DCR Anny Kelly Vasconcelos; Julineide, Joseph e Jairo) pratos tendo como ingredientes principais as espécies do nosso Bioma. Também serão apresentados 2 Banner's com trabalhos científicos em parceria com o IFPB Cabedelo com o Prof. Thyago Silveira e outro com o aluno de Agroecologia Antônio de Pádua Sobrinho

ATIVIDADE MINERAL DA PARAÍBA SERÁ DESTAQUE NO FÓRUM 3º FÓRUM MUNDIAL DE EDUCAÇÃO

Foi divulgada, nesta sexta-feira (10), a lista das atividades autogestionadas e dos pôsteres selecionados para o III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica (FMEPT), que será realizado entre os dias 26 e 29 de maio no Centro de Convenções de Pernambuco.  O evento reunirá  instituições, entidades e associações de todo o mundo. Ao longo de pouco mais de três meses de inscrição, fórum  recebeu 6.417 pôsteres relacionados a mais de 14 áreas do conhecimento. No total, foram habilitados pela banca avaliadoras 2.572 trabalhos para serem apresentados.
Dentre eles esta o trabalho  intitulado: “Confecção de maquetes e unidades de beneficiamento de minérios como ferramenta de práticas educativas ao tratamento de minérios”. Desenvolvido pelos alunos do curso técnico em mineração da escola estadual Padre Jerônimo Lauwen de Santa Luzia Paraíba. O trabalho foi orientado e será  apresentado  pelo técnico em mineração, pesquisador e professor Antonio de Pádua Sobrinho, que estará represent…

VÁRZEA PB: ESTUDANTES DO CURSO DE MINERAÇÃO VISITAM MINA DE QUARTZITO LOCALIZADA NO MUNICIPIO.

Os alunos do curso técnico em mineração  de Várzea Paraíba  visitaram neste sábado,  18 de abril de 2015, a Mina  do Porção  localizada no município de Várzea   a visita foi coordenada pelo pesquisador, professor e técnico em mineração Antônio de Pádua Sobrinho.

   Durante a visita os estudantes puderam ver na prática como é realizada a extração de quartzito, método de lavra, forma de extração,  equipamentos utilizados, condições de trabalho e impactos ambientais causados  pela atividade.
 Segundo o professor Antônio de Pádua estas visitas  tem como objetivo  aproximar os alunos   da atividade mineral da região.  “Eles  precisam conhecer como é a realizada a atividade mineradora principalmente onde o curso esta inserido, estes estudos  unem o conhecimento teórico  com a prática, e para isso, o estudo de campo é fundamental,” Destacou Pádua

A capacitação faz parte do PRONATEC, com o apoio do SENAI,  Centro de Inovação e Tecnologia Industrial do SENAI da Paraíba (CITI), através do CT Min…

CARIRI PARAIBANO TERÁ PROPOSTA PARA CRIAÇÃO DE GEOPARQUE

Por sua geodiversidade, principalmente as geoformas, a região do Cariri Paraibano, localizada na mesorregião da Borborema, semiárido nordestino, é representada por grandes lajedos recobertos por matacões decamétricos de variadas formas e graus de arredondamento, que, junto à paisagem árida, configuram excepcional paisagem de beleza e contemplação. Adicionalmente, ocorrem importantes registros geológicos e paleontológicos relacionados à Bacia de Boa Vista.

Na região há, também, sítios arqueológicos, representando vestígios de civilização pré-colombiana, encontrados nos lajedos na forma de pinturas rupestres. O local possui atrações de importância para a prática do geoturismo, representando exemplo de sucesso em projetos de conservação ambiental e interiorização. No sentido de estimular o desenvolvimento sustentável suportado pela geodiversidade da região, em particular de caráter turístico, fez com que o Serviço Geológico do Brasil (CPRM) incluísse o local no escopo do Projeto Geoparque…

PICUÍ-PB: TRABALHO DESENVOLVIDO NO IFPB SERÁ DESTAQUE NO FÓRUM MUNDIAL DE EDUCAÇÃO.

A Secretaria Executiva do III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica disponibilizou, nesta terça-feira (14), a lista das atividades autogestionadas selecionadas para o evento. No total, a programação do FMEPT 2015 contará com 384 atividades distribuídas em cinco áreas: Inovação Tecnológica, Gastronomia, Técnico-Científica, Cultura e Economia Solidária.
Entre elas está a Oficina de gastronomia (Palmas para os Sabores da Caatinga) que preparará e ofertará para degustação dos participantes comidas, doces e iguarias feitas a partir do fruto de cactáceas do nosso Bioma caatinga.

A equipe envolvida contará com o Prof. Frederico Campos a Bolsista de DCR Anny Kelly Vasconcelos os bolsistas de extensão de Agroecologia Jairo Santos e Julineide Gadelha e os voluntários Joseph Hakkinen e Antônio de Pádua  Sobrinho.


A oficina será ministrada no dia 27 de maio no Centro de Convenções em recife durante o Fórum Mundial da Educação Profissional e Tecnológica




CURSO DE MINERAÇÃO DE SANTA LUZIA FOI DESTAQUE NO JORNAL A UNIÃO

O curso de mineração da Escola Estadual Padre Jerônimo Lauwen, foi destaque no jornal a União desta terça-feira, 15 de abril de 2015. A matéria da destaque ao trabalho desenvolvido na escola que foi selecionado para ser apresentado no no 3º Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica (FMEPT), no Centro de Convenções, em Recife, Pernambuco.




Leia: http://jornalauniao.blogspot.com.br/

PICUÍ-PB: ALUNOS DO LORDÃO REALIZAM AULA DE CAMPO SOBRE ARQUEOLOGIA

Os alunos do Projeto de Arqueologia: "Um passado ameaçado" da Escola Estadual Professor Lordão realizaram aula de campo no Sitio Arqueológico Cachoeira do Pedro em Picuí, com objetivo de identificar as ameaças a que estão sujeitos os vestígios arqueológicos no município.

O projeto está em seu segundo ano, é coordenado pelo professor Robson e desenvolvido pelos alunos do Ensino Médio Inovador que se propõema estudar o processo de ocupação pré-histórica da região e o processo de degradação, seja ele natural ou resultado da ação antrópica.
Durante a aula os alunos foram estimulados a catalogar os animais que caracterizam a fauna local e a flora que compõe o entorno do sítio, bem como refletir sobre a situação em que se encontra o local. Ainda de forma preliminar, os alunos perceberam que, apesar da preocupação e cuidado que a família proprietária do sitio tem, ainda é presente ameaças de banhistas, caçadores, pecuaristas entre outros.
Um dos objetivos do projeto é possibilitar…

ATIVIDADE MINERADORA DA PARAÍBA SERÁ REPRESENTADA EM FÓRUM MUNDIAL DE EDUCAÇÃO

“Confecção de maquetes e unidades de beneficiamento de minérios como ferramenta de práticas educativas ao tratamento de minérios”. Com este tema, alunos do Curso Técnico em Mineração da Escola Estadual Padre Jerônimo Lauwen, em Santa Luzia, irão apresentar trabalho no 3º Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica (FMEPT), no Centro de Convenções, em Recife, Pernambuco. O evento acontecerá no período de 26 a 29 de maio e a atividade mineradora da Paraíba será representada pelo professor e técnico em mineração Antônio de Pádua Sobrinho. A iniciativa da ação faz parte de um movimento pela cidadania e pelo direito universal à educação reunindo instituições, entidades e associações de todo o planeta.

“É muito gratificante representar os 24 alunos envolvidos neste projeto e divulgar a Escola Padre Jerônimo, bem como o nosso curso tão importante para a região. O trabalho debate a experiência do curso profissionalizante com seus avanços e dificuldades indispensáveis para o mercado de …

TRABALHO DESENVOLVIDO POR ALUNOS DO CURSO DE MINERAÇÃO DE SANTA LUZIA SERÁ APRESENTADO NO 3º FÓRUM MUNDIAL DE EDUCAÇÃO.

O trabalho intitulado: “CONFECÇÃO DE MAQUETES DE UNIDADES DE BENEFICIAMENTO DE MINÉRIOS COMO FERRAMENTA DE PRÁTICAS EDUCATIVAS AO TRATAMENTO DE MINÉRIOS.” Desenvolvido pelos alunos do curso técnico em mineração da Escola Estadual Padre Jerônimo Lauwen de Santa Luzia Paraíba,  orientado pelo professor Antonio de Pádua sobrinho foi selecionado para ser apresentado no III Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica (FMEPT), que será realizado entre os dias 26 e 29 de maio  em Recife  Pernambuco.O trabalho será apresentado pelo professor  Pádua


O Fórum Mundial de Educação Profissional e Tecnológica (FMEPT) nasceu doFórum Mundial de Educaçãoe do Fórum Social Mundial. O evento faz parte de um movimento pela cidadania e pelo direito universal à educação, reunindo instituições, entidades e associações de todo o planeta.
A terceira edição do FMEPT é capitaneada peloInstituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE), com apoio doMinistério da Educação (MEC),  será …

Primeira Circular do XXVI SIMPÓSIO DE GEOLOGIA DO NORDESTE

O XXVI Simpósio de Geologia do Nordeste - SGNE acontece de 05 a 08 de novembro de 2015 em Natal/RN, é promovido pela Sociedade Brasileira de Geologia – Núcleo Nordeste e tem a sua organização centrada na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN) e Serviço Geológico do Brasil (CPRM), com participação de constituintes do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia (IFRN), Petrobras, Departamento Nacional da Produção Mineral (DNPM) e Governo do Estado do Rio Grande do Norte.


O Simpósio é hoje o principal encontro técnico-científico que congrega pesquisadores, profissionais e estudantes que atuam na Geologia desta região, envolvendo todas as grandes áreas das Ciências da Terra.
 Veja o resumo das principais informações relativas ao evento.



Informamos ainda que as informações complementares e as inscrições já se encontram abertas e podem ser feitas através do site : http://www.ccet.ufrn.br/26sgne/noticia-interna1.php

CONHEÇA O CASTELO DI BIVAR EM CARNAÚBA DOS DANTAS-RN

O Castelo Di Bivar localiza-se no município de Carnaúba dos Dantas-RN, ficando a 219 km da capital Natal, no estado brasileiro do Rio Grande do Norte. No alto de uma colina às margens da rodovia RN-288, trata-se de uma imitação de um castelo renascentista francês. Erguida por volta de 1984.
O nome do castelo é uma homenagem ao filme El Cid. Após assistir ao filme o proprietário José RonilsonDantas se sentiu atraído pelo estilo medieval, o que resultou na construção do castelo. Conhecido em toda a região, tornou-se uma das principais atrações turísticas do Seridó Potiguar. As suas dependências serviram como cenário para o filme "O Homem que Desafiou o Diabo", de 2007.

Foto: Pacífico Medeiros Matéria extraída do Facebook de Gilson Dantas Fonte texto: Blogdotoscanoneto

MINERAÇÃO MARCO DA HISTÓRIA DE PICUÍ PB

O município de Picuí   possui  grande diversidade geológica associada à produção mineral, que faz parte da história econômica da região. Merece destaque a atividade mineral extrativa dos pegmatitos, constando de dezenas de garimpos lavrados desde o início do século XX, despertando grande interesse por parte dos americanos à época da segunda Guerra Mundial, pela riqueza em minerais estratégicos para a produção de armamentos bélicos.

Além da história mineral contada por antigos garimpeiros,  quem visita o município tem  a oportunidade de presenciar a lavra a céu aberto e obter informações geológicas sobre os corpos pegmatíticos, além de apreciar a beleza das cavas formadas pela lavra de quartzo, feldspato, muscovita, berilo, tantalita, etc. processo  de extração e comercialização dos minérios,  com ênfase ao comércio do artesanato mineral e gemas.

INSCRIÇÕES ABERTAS PARA O ENCONTRO DE CIÊNCIAS ECOLÓGICAS DA UFPB (ECO- UFPB)

Ecologia é um termo bastante debatido nas ultimas décadas, especialmente sobre seu conceito e abrangência. Diversos ramos da ciência, não só da área natural, mas também de outras como humanas e exatas tem sido "incorporados" ao estudo da casa. 
O Encontro de Ciências Ecológicas da UFPB (ECO- UFPB) tem como objetivo convidar esses ramos a se encontrarem e nos mostrarem seus frutos mais frescos. O evento será realizado entre os dias 07 e 10 de julho de 2015 no campus IV da Universidade Federal da Paraíba, na unidade de Rio Tinto, tendo como tema “O pensamento ecológico e suas diversas perspectivas”. 
Seu ponto principal serão a apresentação de palestras, minicursos e mesas redondas, com temas relativos a ecologia, porém, nem todos os ministrantes serão ecólogos, o que proporcionará aos participantes visões diferentes do pensamento ecológico, transmitidas por especialistas em outras áreas, mas que também lidam com a nossa. Terá como objetivo também a apresentação de trabalhos com…